Cabelos lindos sem sair de casa! Cabeleireira ensina truques para manter os fios saudáveis durante a quarentena

A especialista também vetou o uso de chapinha e babyliss durante esse tempo; Entenda o motivo

Manequim Publicado segunda 23 março, 2020

A especialista também vetou o uso de chapinha e babyliss durante esse tempo; Entenda o motivo
Dicas para manter o cabelo hidratado em casa - Pixabay

Quem tem cabelo comprido, tanto homens quanto mulheres, sabe que manter o brilho e a maciez não é uma tarefa fácil, principalmente quando há alguma tintura ou alisamento envolvido.

Tanto na escolha de produtos quanto em cuidados simples, ainda são desconhecidos para a maioria que tipo de reações o cabelo pode ter quando práticas não aconselhadas por cabeleireiros são feitas, ocasionando desde fios elásticos até a quebra e perda deles.

“Algumas coisas simples, como qual a temperatura da água ou o shampoo certo para o cabelo, fazem completa diferença no resultado final, por mais que você não dê a devida atenção. Uma escolha errada pode arruinar todo um processo de transição entre o cabelo alisado de volta para o cabelo afro, por exemplo”, conta Priscila Nepomuceno, cabeleireira e proprietária do Studio Dellas.

Você sabe como cuidar do seu cabelo? A especialista revelou algumas dicas sobre como ter o mínimo de cuidados em casa para não precisar correr até o salão durante a quarentena do coronavírus.

1) Evitar produtos com amônia

Vemos muitas propagandas de produtos que prometem ser “sem amônia”, mas o que a amônia realmente causa no cabelo para ser evitada?

Essa dica é para quem tem descoloração no cabelo, seja para um tom colorido, loiro ou ruivo. É importante saber que a amônia pode comprometer a cor, pois tira o fundo que já existe no cabelo, deixando algumas partes dos fios mais claras.

2) Nada de água muito quente

Como a água da lavagem pode influenciar o cabelo?

Pessoas que tomam banhos muito quentes costumam ter descamação ou casca facilmente, assim como o aumento da oleosidade e ressecamento. Em casos mais extremos, pode haver vermelhidão e irritação no couro cabeludo, apenas pela temperatura elevada da água.

Quando o cabelo tem tintura ou irá recebê-la, o ideal é usar água morna, pois ajuda a abrir a cutícula e é um meio-termo entre as temperaturas. A água bem gelada, conta Priscila, é a melhor opção quando se procura bastante brilho. Infelizmente, não é comum por conta do banho gelado, que pode ser desconfortável para a maioria da população.

3) Use o shampoo ideial

Qual shampoo usar?

Independente do tipo de cabelo, o principal é usar uma linha sem sal. Se você alisa o cabelo, por exemplo, ou faz outros procedimentos de cuidado no salão, ao chegar em casa e usar um produto que carrega sal, provavelmente irá estragar todo o trabalho feito.

O sal na composição do shampoo é feito apenas para fazer espuma e dar a impressão de que estamos ficando mais limpos. Ao usar um sem sal, é possível perceber que ele não fará tanta espuma assim, mas o benefício para os fios é bem maior. É possível verificar a existência do componente no próprio rótulo na hora da compra, a maioria das linhas populares são carregadas desse mineral. O resultado é a falta de brilho, perda da maciez e ressecamento.

Essa dica, além de fazer com que o cabelo fique mais bonito, ainda pode fazer com que tinturas e progressivas durem muito mais tempo.

4) Cuidado ao manusear produtos

Quais cuidados são necessários com os produtos que temos em casa?

Cremes específicos, como máscaras de hidratação, têm químicas que influenciam o cabelo e nos fazem ter o resultado que desejamos, mas é preciso se atentar ao manuseá-los.

+ Entrou na piscina e o cabelo ficou verde? Veja receitas caseiras que deixarão seus fios loiros novamente

Quando você abre a embalagem, não deve colocar a mão dentro, ou seja, sua pele não deve entrar em contato direto com o produto que está dentro do pote. Para pegar, é aconselhável usar uma colher de plástico – outros materiais também podem contaminar, ou luvas.

Ao colocar sua pele em contato com o creme, irá perder a maior parte do valor que ele tem, o que diminui seus resultados. O ideal é pegar sem contaminar, e então já passar rapidamente nos cabelos, podendo utilizar as mãos. Por isso é comum que linhas especiais para salão venham com válvulas pump, assim você nunca toca no produto que ficou ali dentro, apenas no que irá usar.

5) Adeus, chapinha e babyliss

“Não faça”, afirma Priscila.

Os aparelhos foram criados para serem manuseados no salão. A maioria das pessoas não sabe exatamente quais fatores podem influenciar o uso, como a umidade ou o momento certo de usar ou não.

É comum vermos vídeos onde alguém tenta usar e acaba cortando uma parte dos fios fora, provavelmente por estar molhado e acabar “fritando” o cabelo, o que ocasiona a quebra. Deixe esse trabalho para o cabeleireiro.

“50% do cuidado é feito pelo profissional, os outros 50% é o cuidado da pessoa para manter. Isso irá decidir se os tratamentos duram ou não”, constata a especialista.

Muitas vezes, detalhes simples podem fazer grande diferença no cabelo e na vida de quem busca fios saudáveis.

+ VEJA TAMBÉM: Cuidado capilar! Veja 7 erros que prejudicam a saúde dos seus cabelos e do couro cabeludo

6) Cortar a cada três meses

Cortar o cabelo é algo que você não precisa se preocupar durante a quarentena!

Todos os dias, fios caem e fios novos irão aparecer, por isso, passamos a ter o cabelo em camadas, com diferentes comprimentos. O problema é quando parece que há muito cabelo perto do couro cabelo, e nas pontas, parece ralo. Isso acontece porque as pontas não foram tratadas como deveriam.

O ideal é cortar de três em três meses. Quando é feito regularmente, a cabeleireira pode tirar apenas meio dedo, sem comprometer o comprimento que o indivíduo deseja, mantendo a saúde do fio e, em alguns meses, o resultado será um cabelo uniforme, apesar das camadas.

Último acesso: 04 Apr 2020 - 08:40:11 (1042430).